Dicas

Sabia que as lâmpadas incandescentes tradicionais apenas transformam 20% da energia em luz, perdendo 80% em forma de calor? O LED é o modo mais eficiente de iluminação, (80% menos comparada com a iluminação tradicional). Isto significa que aproximadamente 80% da energia eléctrica é convertida em luz, gastando muito pouca potência e emitindo muito pouco calor.
A iluminação LED emite poucas emissões UV. Devido a isto, é muito adequada para a iluminação de materiais sensíveis ao calor, tais como galerias de arte, sítios arqueológicos, etc.
Se pretende diminuir a sua factura de energia experimente instalar detetores de movimento em locais de passagem, como por exemplo garagens ou arrumos.
O consumo de Standby de alguns equipamentos são consumos evitáveis. Experimente as tomadas Standby killer e elimine-os completamente.
Verifique a sua factura eléctrica de electricidade e analise se a potência contratada é adequada ao consumo real da instalação ou se poderá reduzi--la.
Sabia que a energia é mais barata nas horas de vazio? Verifique se os seus consumos se coadunam com estes horários e em caso afirmativo opte pelas tarifas correspondentes. 
O mercado energético é liberalizado! Pesquise e opte pelo comercializador de energia que lhe dá mais benefícios.

Fluxo Luminoso

O fluxo luminoso descreve a quantidade de luz gerada por uma fonte de luz, que é citada em lumens (lm). 
IRC – Índice de restituição cromático – é a capacidade de uma fonte de luz reproduzir as cores. Com um IRC elevado os objectos terão uma aparência mais natural. Quanto maior o IRC melhor será a restituição de cor. 

Fonte: http://www.climar.pt/pt/info_tec_eng_luz_conc.html

Temperatura de Cor

Temperatura de Cor - Unidade medida: kelvin (k). A cor da luz é determinada pela sua temperatura de cor.

http://www.climar.pt/pt/info_tec_eng_luz_conc.html